Skip to content

+ neve

14/02/2011

Definitivamente: Não sou uma pessoa de extremos. Não precisa ser super frio, tão pouco queimar por estar tão quente, mas já que vivemos onde os extremos existem, o jeito é saber lidar.
Ontem, saindo da aula de japonês – por volta das 20h – achei que estava chovendo, estava frio, fazia muito barulho e assim que cheguei na rua, vi que o barulho era porque estava nevando. Gente, vamos esquecer  aquela cena de filme, flocos de neve caindo delicadamente, dando um ar poético ao inverno porque não era nada disso! Parecia uma chuva de vento, daquelas que vêm de frente mesmo, na horizontal, mas com o detalhe de ser gelo! Deu para imaginar?!

Ainda tentei fotografar, pensando “lógico que tenho que escrever sobre isso” e foi no mínimo engraçado tentar manobrar bolsa com material da aula, guarda-chuva, celular, a neve vindo de frente, tirar luva, colocar luva… Céus! De qualquer forma, sempre vale a situação. Foi ótimo para quebrar a “mesmice” do inverno, deu um charminho bacana para o Dia do Namorados (a.k.a. desculpinha para beber vinho segunda-feira) e até deu esperança para curtir um parque coberto de neve hoje, mas a neve que cai em Tokyo não dura. Hoje de manhã tudo já tinha passado!

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: